© 2019 por Prestodog. Dogplaybrasil

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Instagram Icon
  • leandrocge

Dog play. 

Olá queridos leitores, como estão? Após algum tempo e observando nossas vontades fetichistas estarem cada vez mais aparentes e abertas, mesmo que muito timidamente, gostaria de propor um texto exclusivamente sobre DOG´s. DOG Play – muito além de dar a patinha.

Em seu conceito sucinto, o dog play indica a interpretação em sua essência de ser um cachorro. O dog play, nada mais é que a interpretação genérica de ‘estar’ como e ‘ser’ um cachorro; agir, não falar, demonstrar sentimentos como um cachorro faz, ficou confuso? Exemplo: Fala humana passará a ser representada pelo latido e sons. Demonstrar ou apontar ou desejar algo passará a ser representada pela insistência de quase puxar o dono até o local para mostrar algo ou ir até o local e voltar para próximo do dono. Mãos, mais especificamente os dedos, não serão mais utilizadas para pegar algo, e sim apenas apertar algo, empurrar ou bater no objeto que quer brincar ou deseja. Sucintamente o conceito do dog play seria estas explicações.

Observação necessária: É importante destacar também que dog play ou mesmo qualquer interpretação que é voltada ao “mundo” dos pet, como diversos exemplos: horse, cat, poney, wolf entre outros animais, é apenas uma interpretação deste animal; o que te agrada e se sente atraído pela sua natureza de agir (o instinto do animal). Embora, muitas vezes observado, há diversas interpretações sobre a essência do pet play que acreditam no envolvimento do animal na cena; isto é uma mentira e totalmente irreal. Para que exista praticantes deste meio é preciso que o interpretador seja consciente de suas diferenças humanas e animais. O extinto erótico deve ser contido somente para o prazer próprio e não há absolutamente nada a ver sexo com o animal. Este tipo de interpretação errônea, geralmente é causada por falta de explanação e corretas pesquisas sobre o assunto. Inclusive, acho necessário lembrar e descrever que o ato sexual com animais é crime! Esse ato é conhecido como zoofilia. Sim queridos leitores é preciso estudar para conhecer essa arte digna de nosso mundo kink. As características para interpretar depende, exclusivamente, da sua identificação com o tipo de animal escolhido.

Características básicas de interpretação dos Dogs: Brincar com bolinhas, beber água e comer em pratinhos, chamar o dono por latidos ou pedir carinho com as mãozinhas;

Não falar, apenas emitir sons e latir;

Máscaras que “escondem” as características humanas, e deixa somente os olhos bem destacados. Existem diversos e diferentes tipos de mascaras com o visual de dog; pode-se pensar que assim como há diferentes raças de cachorros, há diversos tipos de máscaras, as quais identificam a raça do cachorro. Acessórios como rabinho, pode ser internos e externos. Este acessório usualmente serve para demonstrar o quanto o “cão” está contente. Existem diferentes meios para prender o rabo ao corpo. E assim causa um certo destaque ao contexto do uso deste acessório.

O andar: O andar do cachorro geralmente se faz em posição de 4 patas, com isto devemos utilizar acessórios de proteção nos joelhos e mãos. Porem, podemos encontrar os dogs bípedes! Realmente a interpretação ainda estará ocorrendo de acordo com o dog play, entretanto o andar é adaptado aos participantes da cena. Diferentes animais: Assim como o dog, há máscaras que rementem as características visuais do seu animal preferido como descrito acima: cavalo/pônei, gato, lobo entre outros.

Roupas e acessórios: As vestimentas de um cachorro variam de acordo com seu interpretador. Muitos curtem “estar” totalmente vestidos, outros somente com o básico. Estes gostos são particulares. A diversão está na interpretação para a cena que deseja e como seu dono a deseja.

Bandeira: A comunidade Dog é representada pela bandeira abaixo.

Neste texto acabamos por misturar um pouco de duas situações que se “interagem” para captar conhecimentos e informações que são o dog play, propriamente e o pet play que associa o conjunto de “animais de estimação”, assim como outros demais animais. Como todo treinador, e como todo pet recebendo adestramento, as frases que estes devem pronuncias e ser ouvidas poderiam ser estas:

Sendo um ótimo agrado ao seu pet!

_______________________________________________

Uma breve entrevista: leo kratos, sendo o elaborador deste texto, pedi auxilio a uma pessoa muito próxima para questionar-me quanto a esse novo mundo que eu a apresentei. Espero que gostem destas perguntas e que possam ser utilizadas como conhecimentos para todos que procuram mais informações a respeito.

O que você sente quando coloca os acessórios de dog? E você gosta? Bem, quando estou usando meus acessório de dog, não sou mais o Le, neste ponto passo a interpretar um papel diferenciado do real. É como interpretar; é tipo um ator. Você sente as características marcantes do personagem e passa a ser ele. É o mesmo quando sub, ou um fetichista. Você não é, você está sendo! Está interpretando!

Gosta de ser tratado como doguinho? Com carinho ou não?? É um ponto complicado para explanar. Mesmo no baunilha não sinto apto a indagar sobre o fato fazer e receber carinho. É um “gostar” que não consigo descrever. Quando dog, interpreto uma essência imaginativa sobre o personagem. O gato, por exemplo, demonstra carinho de diversas maneiras mas não são todas fáceis de identificar. Sente prazer?? Sim. Porém nem sempre um prazer demonstrativo. Homens e mulheres diferem muito nessa demonstração de prazer. O homem pela genitália é mais fácil “identificar” o prazer, porem nem sempre há essa demonstração.

Quais brincadeiras você gosta de fazer como dog? Sou apenas fetichista. Não me considero um dog propriamente. Apenas interpreto. Não tive vontade de realizar adestramento ou agir puramente como tal.

Sente alguma coisa quando vê outros dogs ? O fetiche em si é atrativo. E muitas vezes não se trata do símbolo erótico e sim o contexto, uma mistura muito paralela, seria a descrição de um cosplay. É algo atrativo ao visual pelo seu contexto que ali se demonstra. Nem sempre há uma conotação erótica sexual.

Quando está "de dog" esquece as preocupações ou não? Sim. O interpretar permite desligar momentos cansativos. Ajuda a reequilibrar o cansaço natural da vida baunilha. É como estivesse em outro momento, até mesmo em outro lugar.

_______________________________________________ Aproveitando este momento oportuno e esperançoso que tenham gostado deste texto, queridos leitos, neste mês de julho de 2019, há início para iniciar um novo evento a ter iniciado o Mister Puppy Brasil.

Vamos procurar mais informações a respeito? {texto elaborado por leo kratos} [figuras retiradas da internet, direitos reservados aos criadores] [fotos da entrevista cedidas por mim, leo kratos].

26 visualizações